Carol & Murilo

Carol & Murilo

Casais!

Buongiorno!!!  O casamento de hoje é lindo demais e aconteceu na Toscana, na Italia…. Quem me enviou as fotos foram as meninas da Maison Kas, que fizeram o lindo vestido da noiva! A história da Carol e do Murilo, e eu vou deixar para a noiva contar rs…! As fotos são da Andrea Corsi, a decor da Statti Fiori, e o espaço, buffet e assessoria do Badia di Campoleone, hotel liiindo e charmoso em Arezzo, na Toscana!!

Gostamos de dizer que há um momento certo para tudo, e nossa história com certeza se encaixa nesta frase.

Estudei com a prima dele no colégio desde os 12 anos, e o “conhecia” através de uma foto porque era o primo que morava nos EUA.

Alguns anos depois, com meus 18 anos, cheguei a conhece-lo pessoalmente por termos amigos em comum do mesmo colégio, mas como esse grupo era muito grande nunca conversamos de verdade, saíamos juntos para algumas baladas e até passei na casa dele antes de uma festa, mas ainda assim sem muito contato. Dia 24 de setembro de 2008, dois anos depois, era a formatura de um amigo dele, como um amigo tinha convites sobrando, mesmo sem conhecer o formando decidi ir de última hora (engraçado, lembro muito deste dia). Cheguei e percebi que só tinha casais, (éramos um dos únicos solteiros) o que não me incomodou no começo, mas me fez criar coragem no meio da festa. Como ele não saía da mesa por nada pedi que uma amiga puxasse ele para a pista, só que ela resolveu “me ajudar” dizendo que eu estava esperando por ele na pista, quase morri de vergonha! Quando fui tentar resolver ele já estava vindo na minha direção, e o resto vocês já sabem…

Isso aconteceu uma semana antes da minha mãe ser diagnosticada com câncer, e apesar dele ter todos os motivos para se afastar, ficou do meu lado. Ele conheceu minha família e me ajudou muito nesta fase, mesmo eu estando 90% do tempo com ela o Murilo sempre entendeu a situação. Infelizmente em agosto de 2009 ela faleceu, e minha vida virou de cabeça para baixo, se não fosse ele ao meu lado não teria conseguido passar por tudo isso. Acabei morando sozinha com meu irmão, e em um processo natural ele foi se mudando para nossa casa, e sempre paciente e bem humorado nos ajudava muito.

Fiquei noiva em abril de 2012, e precisávamos decidir como seria nosso casamento, sabia que não queria nada tradicional, gostaria de fazer um casamento pequeno e íntimo. Além de não conseguir fazer uma lista de convidados pequena os preços dos fornecedores que trabalham com casamento me assustaram! Impossível fazer um mini wedding por aqui, já que a maioria trabalha com quantidades mínimas…

Foi aí que a ideia de fazer um destination wedding – ou seja um casamento fora da nossa cidade, estado, país – surgiu. Meu pai brincou que se levássemos 20 ou 30 pessoas para a Europa e fizéssemos uma festa por lá ainda sairia mais barato do que um por aqui.

A brincadeira virou pesquisa, e a pesquisa começou a se tornar realidade. Meu marido, além de descendente de italianos (e turcos), tinha amado a Itália quando viajou a trabalho, meu pai também indicou o país, e principalmente a região, a Toscana, como destino. Eu, apesar de nunca ter ido embarquei na ideia, e por isso digo que não fui eu quem escolheu a Toscana como destino para o dia mais feliz da minha vida, foi ela que me escolheu! Pesquisei hotéis na Toscana e locações por toda a internet. No final das contas escolhi 30 hotéis lindos, aí a decisão ficou por identificação com hotéis, boa comunicação e preço final. Foi assim que escolhemos o Badia di Campoleone, um hotel pequeno com cara de palácio na cidade de Arezzo, área de Castelluccio. Apesar de muitas trocas de e-mails com nossa organizadora, que trabalhava no hotel, resolvemos que precisávamos conhecer ela e o local pessoalmente para fechar esta decisão e conseguir organizar tudo direitinho, e então embarcamos para lá em Setembro. A experiência foi ótima, atendimento excelente e comida excepcional! Depois disso não restaram dúvidas, iríamos casar lá! Organizar todo o casamento a distância não foi fácil, mas sem dúvida, o resultado fez todo o esforço valer a pena.

Assim nos casamos no civil aqui no Brasil dia 20 de abril de 2013 para 100 amigos e familiares mais próximos, e no religioso na Itália dia 17 de maio do mesmo ano com 30 convidados. Nossa diferença de quase 8 anos de idade nunca foi empecilho, ele diz que sabia que era a mulher da vida dele desde a primeira vez que me viu, e quando teve sua chance tomou muito cuidado para não estraga-la. Se é verdade ou não eu não sei, mas é uma das coisas mais lindas que já ouvi e gosto de acreditar nisso…”

Esse clima “lá em casa” de destination weddings é demais!

Quem ai não babou neste bouquet de peonias?

Fogo o pai da noiva…

Ai gente, é essa foto?

…. (sem palavras).

Maravilhoso o vestido, não?

=

Ai gente, eu sei que um dia de sol é lindo demais, mas eu amo a chuva! Acho que as fotos ficam lindas!

Gostaram?

Carol, obrigada por dividir sua linda e emocionante história com a gente….! Auguri aos noivos!!!

Say I do.

Carol & Murilo
Avalie esse Post

CASAR Salvador 2018