Início Casamentos Casamentos Reais Dia dos Namorados Especial Blogueiras: Camila Piccini
Dia dos Namorados Especial Blogueiras: Camila Piccini

Dia dos Namorados Especial Blogueiras: Camila Piccini

camila-piccini

E hoje é o Dia dos Namorados. O dia mais romântico da história das comemorações. :p Hoje separamos um começo de namoro engraçado, e para ser assim, a história tem que ser contada pela Camila Piccini, blogueira do Say I Do. Toda desinibida (você vai ver no texto) ela conta aqui a história favorita dela: de como conheceu o marido Luiz.

Mas antes dela, já mostramos outras histórias legais! Veja aqui como nossas blogueiras conheceram os maridos:

++ Veja a história da Lorena, do Lápis de Noiva. <3

++ Sabe como a Bel Ornelas, do Casando com Amor, conheceu o marido? Aqui está!

++ A Nina Lacerda, do Até Que Enfim, conheceu o Marcelo na balada. ;)

++ Patrícia Fortes, do Noivas do Brasil, foi ao happy hour mais certo de todos!

Tudo começou em julho de 2004 numa viagem da família toda a Itália, fizemos uma parada em Padova. Meu pai “brincou” e pediu a Santo Antônio que eu e minha irmã arrumássemos um namorado. Detalhe: eu tinha 17 anos e minha irmã 15 rs. Mas, como pai de 2 meninas, não via a hora de entrar mais homens na família.

Mal sabia ele que a minha irmã já estava namorando meio escondida rs, mas na volta da viagem contaria para ele e para minha mãe.

No meio da viagem recebi um telefonema para trabalhar no encontro de jovens do Colégio Santo Américo. Eu tinha feito o encontro no ano anterior e tinha sido o final de semana mais incrível da minha vida. Fiquei meeeega feliz quando fui convidada para trabalhar, ainda mais que seria na descontração – o grupo mais legal rs!

Bom, o encontro de jovens tem fama de ser casamenteiro. Logo, eu, solteira, fui toda animada para a primeira reunião. Ninguém fez meu tipo. Fiquei feliz, pois focaria somente no encontro e não pensaria num possível namorado hehehe.

Eis que, faltando 15 dias para o final de semana do encontro, um menino desistiu de participar. Aí, o Jorge, que era nosso coordenador falou para a “cúpula” do encontro que chamaria um amigo dele, pois ele levaria super a sério esses 15 dias faltantes. E chamou o Piccina.

Primeira reunião que o Piccina participou foi num domingo meio friorenta na casa de uma menina do grupo. Eu cheguei na hora, ele um pouquinho atrasado. Quando ele entrou e falou bom dia eu pensei: olha aí, o menino que eu vou namorar e casar. Detalhe: ele namorava.

Já cheguei em casa e contei para minha mãe e para minha irmã que tinha encontrado o homem da minha vida. Não me abalei que ele namorava, pois, como eu era muito nova achava que só namoraria com ele dali uns 3-4 anos. Nisso, já descobri que o namoro não andava muito bem.

Fomos ficando amigos. Eu realmente demonstrava 0 que já sabia que casaria com ele rs. E ele também não demonstrava nada em relação a mim. Ele me dava carona todos os dias na volta das reuniões.

Aconteceu o encontro. O final de semana foi demais. Várias amigas minhas fizeram o encontro e adoraram conhecê-lo mais de perto, foi engraçado.

Na segunda eu já estava meio decidida a me declarar. Na verdade eu percebi que sentiria muuita a falta dele diariamente e na minha “declaração” eu pretendia dizer o que eu sentia e que não era para ficarmos juntos agora, só mais para frente rs.

O nosso amigo em comum, o Jorge, me disse que não fazer isso!! Pois o Luiz iria terminar o namoro – #coraçãoamil.

Resumo da ópera: saímos para jantar no final daquela semana e não nos separamos mais!!

Eu estava na véspera da minha viagem de formatura para Porto Seguro com o 3º colegial. Eu iria dia 9 de outubro, 1 dia antes do meu aniversário e 3 dias antes do aniversário dele. Adivinha que dia ele me pediu em namoro oficialmente – porque eu já tava namorando desde o primeiro dia rs – ?. Dia 9 de outubro, faltando 2 horas para eu sair para o aeroporto!! Óbvio que eu disse sim!!! E me orgulhava quando alguém na viagem me perguntava há quanto tempo eu namorava!! Eu falava toda feliz: ahh namoro há 3 horas, há 1 dia, há 3 dias rs!

Depois disso, no dia do nosso aniversário de 5 anos de namoro, fui pedida em casamento enquanto eu estava morando na Pensilvânia. Foi lindo e o mais incrível para mim foi que ele tinha marcado a data do casamento 6 meses antes de fazer o pedido. E depois do SIM , ele me entregou um convite de casamento – que ele mesmo fez – onde tinha como se fosse o nosso convite, com a data 9 de abril de 2011.

camila-piccini2

Dia dos Namorados Especial Blogueiras: Camila Piccini
Avalie esse Post

casarpontocom Casar.com: Noivos, este site foi totalmente feito para vocês! Somos um portal que oferece dicas, sugestões, fornecedores e até site de casamento para você se preparar. O Casar.com faz parte do grupo Casar que está no mercado desde 2002 e com vários profissionais que entendem do assunto. Além de toda a informação, é possível montar sua lista de presentes e criar um site exclusivo, registrando e divulgando todas as etapas do evento mais importante da sua vida.

CASAR Salvador 2018